quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Circuito de psicomotricidade caseiro

Na minha infância uma das minhas brincadeiras favoritas era brincar de gincana com meus primos e era tão, mas tão legal que tenho lembranças claras que carrego comigo até hoje daqueles momentos.
Ontem, andando pela net em busca de ideias para ocupar o tempo dos pequenos nas férias, me deparei com uma ideia bem legal: fazer um circuito de psicomotricidade caseiro.
Se tem uma coisa que criança adora quando vei nessas briquedotecas de shopping ou visita a primeira vez uma escolinha bem equipada são esses divertidos (e caros) circuitos: 

Então ontem montamos o nosso próprio circuito. (Se fosse um programa de tv se chamaria: zorra total!)
Foi bem o que eu fazia na infância só que,  na nossa brincadeira veio de brinde um temperinho importante: a intencionalidade.
Fazê-los brincar com a intenção de desenvolver habilidades psicomotoras será minha tarefa das férias.
Vou postando tudinho pra quem quiser fazer também.
Agora já vou avisando: se você é apegada aos seus móveis não recomendo a atividade. Porque para este circuito usei as almofadas do sofá (as grandes e pequenas), as cadeiras da mesa de jantar, a própria mesa pra fazer um túnel. 
Transformei a casa de olhar em casa de brincar e deu nisso:







E o resultado foi esse:



Somos loucos por férias!
Bjos

Referências: 
- Circuito Psicomotor - A importância da psicomotricidade nos processos cognitivos.http://ec02doarapoanga.blogspot.com/2011/10/circuito-psicomotor-importancia-da.html

- Como fazer um circuito de psicomotricidade. http://ensineseubebe.blogspot.com/2010/08/como-fazer-um-circuito-de.html

4 Comente AQUI!:

Diário da mãe e da filha disse...

Nada, como a criatividade né amiga?

Amei a idéia, pelas fotos deu para ver bem como eles se divertiram!! Beijos

Carol Damasceno disse...

Adorei... Vou anotear no meu caderninho pr usar quando a Laura for maior...

Beijos
Carol

Roberta "Mimi" disse...

Muito legal a improvisação.
Beijo,
Roberta

Ana Júlia disse...

Fantástica a sua atitude. Seus filhos têm sorte por tê-la como mãe.

Beijos

Postar um comentário